Dicas

7 passos para ajudar seu filho a parar de chupar o dedo

Até os dois anos de idade, é preciso eliminar o hábito de chupar o dedo Foto: iofoto / Shutterstock

Alguns bebês já chupam o dedo dentro da barriga da mãe, como denunciam os ultrassons. Isso pode ser sinal de que talvez haja alguns problemas bucais caso o hábito seja mantido durante a infância. Segundo Helenice Biancalana, especialista em Odontopediatria da APCD (Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas), os prejuízos vão desde alteração da fala e predisposição à respiração pela boca, até dentes separados e problemas gastrointestinais.

Mas as mães sabem como é difícil cortar essa mania dos pequenos. Segundo Helenice, o aleitamento materno é a melhor medida de prevenção do uso da chupeta e da sucção digital. Crianças amamentadas naturalmente são menos propensas a persistir nesses hábitos. “O aleitamento materno promove um intenso trabalho da musculatura facial, influencia o desenvolvimento ósseo e muscular, gerando fadiga nos músculos, fazendo com que a criança satisfaça seu instinto de sugar e não necessite de uma sucção não nutritiva, ou seja, supre tanto a necessidade de sucção nutritiva como a não nutritiva”, diz.

Para quem já tem filhos que chupam o dedo, é bom saber que, a partir do nascimento dos dentes de leite, inicia-se a fase da mastigação que se completa quando todos os dentes aparecem na boca, por volta dos 2 anos e meio de idade. É então que a a mastigação começa a substituir a sucção. “Nesse momento, hábitos como: chupar dedos e chupeta, já deverão ser eliminados naturalmente”, afirma a especialista.

7 dicas para ajudar

1-    Ofereça frutas, alimentos fibrosos, legumes e verduras à criança para que a sucção seja desestimulada de forma natural.
2-     Brincadeiras interativas, como jogos de montagem com os irmãos, com coleguinhas, com os pais, ocupam o tempo e as mãos, etc.
3-    A conversa entre os pais com a criança deve ser sempre honesta, verdadeira e lúdica de forma a convencê-la a deixar o hábito, um profissional pode auxiliá-los.
4-    Amor, dedicação e carinho nunca são demais. Procure suprir algum tipo de carência afetiva que a criança possa ter, transmitindo-lhe a segurança necessária, nunca com repreensões, humilhações e brigas por causa do hábito de chupar o dedo.
5-    Coloque luvas coloridas como uma brincadeira, para fazer com que a criança perca o contato do dedo com o palato, com persistência funciona.
6-    Para crianças maiores de 3 anos de idade, elogie quando ela não esteja sugando o dedo.
7-    Às vezes é preciso lançar mão de um grupo de profissionais, como psicólogo, fonoaudiólogo, odontopediatra e ortodontista, existem aparelhos que podem ajudar a criança a parar de chupar o dedo, desde que a criança entenda e queira realmente parar com o hábito.

Fonte: Saúde Bucal

Veja Também